O recém lançado Windows 10 está sendo oferecido como uma atualização gratuita por um ano para os usuários do Windows 7 e 8. Não só o amado botão Iniciar está de volta ao Windows 10, mas ele também inclui um assistente pessoal, o Cortana. O novo sistema operacional traz também novas funções de segurança e um novo navegador.

windows-10-laptop-970-80

 

Windows Hello e Passport!

O Windows Hello é uma autenticação biométrica que escaneia seu rosto, íris ou digital para liberar o acesso ao seu aparelho Windows 10, como nos filmes de agentes secretos. Fazendo isto, o Windows Hello quer eliminar as chances de hackers roubarem a sua senha e obter acesso ao seu aparelho porque você não mais terá de utilizar uma senha ao iniciar!

O Windows Passport também elimina o uso de senhas para acessar as suas contas online. No momento, a Microsoft irá trabalhar com o Azure Active Directory e ingressou na aliança FIDO para dar suporte à nova tecnologia sem senhas em serviços financeiros e de segurança para os usuários. O Windows irá verificar se é realmente você quem utiliza o seu aparelho através de um PIN ou do Windows Hello e depois irá autenticar o Windows Passport para que você possa entrar nos sites e serviços sem utilizar senhas. Juntos, o Windows Hello e o Windows Passport vão exigir que um hacker não só roube fisicamente o seu aparelho, mas também sequestre você para acessar as suas contas.

Naturalmente, você vai precisar de um hardware capaz de escaneamento infravermelho da sua face ou íris ou que exista um leitor de digitais no aparelho para utilizar o Windows Hello. A Microsoft já confirmou que todos os sistemas OEM com Intel® RealSense™ 3D Camera (F200) terão suporte às funções de desbloqueio facial do Windows Hello.

Adeus Patch Tuesday

A Microsoft geralmente lançava atualizações de segurança na segunda terça-feira de cada mês, o que podia deixar os usuários vulneráveis até o próximo mês. No Windows 10, a Microsoft irá lançar atualizações de segurança regulares e os usuários serão forçados a aceitar todas as atualizações, o que significa que elas irão proteger imediatamente dos bugs dia-0.

Atualizações forçadas são bem vindas. O mesmo acontece com um antivírus: todo mundo deseja ter o banco de dados mais atualizado para proteger o seu sistema o máximo possível.Jiri Sejtko, Diretor de Operações do Laboratório de Vírus da Avast.

Mais suporte de segurança ao desenvolvedor de aplicativos

A AMSI – Antimalware Scan Interface (Interface de Escaneamento AntiMalware) irá ajudar a proteger os usuários de scripts maliciosos, oferecendo uma interface padrão que permite que aplicativos e serviços sejam integrados com programas antivírus nos aparelhos Windows 10. Os desenvolvedores podem fazer com que os seus aplicativos abram a interface AMSI para serviços de escaneamento e análise adicionais. A interface irá pesquisar potenciais conteúdos maliciosos como, por exemplo, técnicas de obfuscação e evasão. As empresas de antivírus podem implementar o suporte para a AMSI de forma que os antivírus possam analisar mais a fundo os dados que os aplicativos consideraram como potencialmente maliciosos. A Avast irá implementar a AMSI em breve.

Edge, a nova fronteira em navegação

O Internet Explorer da Microsoft não tem uma boa reputação, e provavelmente por isso a Microsoft lançou um novo navegador com o Windows 10: Edge. Ele contém as partes principais do Internet Explorer, mas foram removidas muitas funções desatualizadas que eram mantidas por razões de compatibilidade, incluindo o suporte a extensões binárias, como a Active X e os BHO (Browser Helper Objects). Basicamente, no seu lançamento, o Edge não suporta nenhuma extensão, mas irá acrescentar um modelo semelhante ao Mozilla, Google, Apple e Opera de suporte Javascript/HTML no futuro, permitindo as extensões do navegador. O Flash e a renderização dos PDF são funções internas do navegador Edge. Além disso, o Edge será distribuído como um aplicativo Windows universal, o que significa que os usuários podem atualizar o Edge a partir da Loja de Aplicativos Windows e não pelo Windows Update. Ele será executado em uma sandbox, o que significa que terá pouco ou mesmo nenhum acesso ao sistema ou outros aplicativos executados no aparelho.

DEIXE SUA RESPOSTA